Natural da Cidade do México e naturalizada portuguesa. Formou-se em dança clássica e contemporânea na Escola de Ballet de Coyoacán e na Academia de Danza Mexicana. Obteve uma bolsa de estudos de dois anos na Escola Vaganova de Leninegrado. Licenciada e mestre em coreografia pela Universidade de Tilburg (Fontys) em Holanda.

 

Em Paris fez estudos de dança durante um ano com Serge Alzetta em jazz e André Glegolski em clássico. Participou em diversos cursos de teatro com Felio Eliel, Glennys McQueen e Jesusa Rodríguez no México. Na Alemanha fez estágios de teatro com Liza Mayer e Vicente Fuentes do Roy Hart Theater e dança Butoh com Key Takei.

No México trabalhou como bailarina na Compañía Nacional de Danza (1980 a 1985) e em diferentes produções do Taller Coreográfico de la UNAM e Danza Libre. Formou a sua própria Companhia de dança contemporânea Andamio, onde actuou como coreografa/intérprete, fazendo digressões durante três anos por todo o território mexicano com o apoio do Ministério de Cultura. Paralelamente trabalhou na rádio, como apresentadora e realizadora do programa "Invitación a la Danza". Em Portugal, trabalhou durante três anos na Companhia de Dança de Lisboa, sob a direcção de Rui Horta.

 

Em 1988, entra na Companhia de Dança-teatro de Reinhild Hoffmann em Bochum, Alemanha, onde permaneceu durante sete anos. Participou em digressões desta Companhia por Nova Iorque, Bruxelas, Amsterdão, Berlim, Dresden, Paris e Lisboa. Nesse período, teve a oportunidade de trabalhar com a Japonesa Key Takei, Ana Pocher, Rys Martins e com os encenadores teatrais, Einar Schleef e Jurgen Gosch.

 

De volta a Portugal tem criado vários espectáculos para “La Marmita”: A Cadeira; Hiperacusia; A Entrevista; A Voz de Melpómene; Xa Hei Paparata Te; Os Convidados; Atem; Sequenza; Isto é… o que é isto? A Porta Aberta; Um Dia Difícil; Hoje à Tarde/Telenovela; Heaven; Tiliches, Tambaches e Cachivaches; When I Wear Point Shoes it Hurts; The Battle of The Sneezing Stage; o evento anual Ementa do Dia (que cumprira em 2014 com a sua 5ª edição); História da Dança e Psicologia dos Intérpretes e Criadores em 5 minutos, Cabaret Dada uma co-produção artística com o Projecto Momo e Ossos: Artes do Oficio, Solo para uma Secretária, Aquela Nuvem... (encomenda do teatro Campo Alegre) e The Audition.

 

Realizou itinerâncias em Portugal continental, Alemanha, Escócia e México. Entre 2003 e 2006 e novamente em 2013, foi convidada pela ESMAE do Porto, como responsável pelo projecto de produção do segundo ano, criando 22 trabalhos de movimento para actores.  Foi responsável pelo Movimento de actores das peças teatrais A Candidata Ideal e A Velha Avarenta dirigidas por Manuel Gama, assim como dos recitais de poesia encenada O Poema me Levara no Tempo e Dual de Sophia de Mello Breyner.

 

Foi directora de movimento e co-encenadora das peças de teatro "História do pescador que deixou o coração atrás da porta e dos peixes que choveram" e "Fiandeira" de Isabel Fernandes Pinto. Foi convidada para co-encenar e ser directora assistente da peça "Um Dia com Ela" de John Mowat e produzido por Astro Fingido. Colaborou com a coreógrafa Ana D’Andrea no espectáculo Cavalos, assim como na organização e dinamização do espaço artístico Bom Pastor, inserido no programa do Aicarte entre 2002 a 2004.

 

Em 2006 abre o espaço La Marmita, um teatro alternativo com uma forte programação. No mesmo ano, foi premiada no Festival Arena na cidade de Erlangen na Alemanha com a coreografia Hoje à Tarde e convidada pelo Instituto Nacional de Bellas Artes e Festival de Sinaloa a apresentar-se na Cidade do México e em itinerância. Em 2007 e 2011 foi convidada a participar no Festival Solilóquios na Cidade do México.

 

De 1999 a 2005 foi professora de Dança Contemporânea e Expressão Dramática na Escola de Dança Ginasiano no Porto. Tem sido professora convidada pela Companhia de Dança de Aveiro, Escola Superior de Dança de Lisboa, Escola de Música de Espinho, Escola de Dança de Guimarães e Drums for Peace em Suécia, entre outros locais.

Paralelamente ao seu trabalho coreográfico, dedica-se à realização de acções de formação na área de dança-teatro organizadas pela La Marmita, e ateliers de movimento cénico em diversas localidades portuguesas.

 

É directora artística, coreógrafa e programadora do La Marmita.

 

Mestre em Música pela Yale University, aluno de Arthur Weisberg, premiado no National Collegiate Solo Competition e no Concours International de l'UFAM (Paris), com trinta anos de carreira como fagotista profissional.

 

Foi fagotista solista na Connecticut Philharmonic, na Orquesta Sinfónica de Maracaibo, na Ópera da Cidade do México, e no Teatro S. Carlos. Colaborou com a Limburgs Symphonie Orkest- Maastricht, e a Radio Filharmonisch Orkest- Hilversum.

 

 

Desde 1995 é professor de fagote e música de câmara no Conservatório de Música do Porto e na Escola Profissional de Música de Espinho. Foi convidado a ministrar masterclasses e recitais em Portugal, EUA e Londres (Royal College of Music).

 

 

Na área da música experimental e improvisação, colabora regularmente com Miguel Azguime e Tilike Coelho em concertos. Colaborou com Andrea Gabilondo na obra "Atem". Apresentou "Du Néant que le Croit" para fagote e electronica em tempo real de Miguel Azguime nos "Encontros de Música Contemporânia" na Gulbenkian, os recitais "Sequenza XII" de Luciano Berio e "Refléxes" de Pedro Amaral.

 

 

Tem apresentado vários recitais e concertos de música de camera. Foi responsavél pela organização dos concertos de música classica e contemporânia no Teatro de Vilarinha entre 1997 e 2001, e no espaço La Marmita desde 2005.

 

Em 1993 ingressa na Orquestra Nacional do Porto, com residência na Casa da Música, onde toca actualmente como fagotista solista assistente.

 

 

É membro fundador de La Marmita e assessor musical.

 

Susanne Rösler

Concluiu o curso profissional de modista no Modesalon Charlotte Kossat em 1975 e o Mestrado em Gestão e Engenharia Têxtil da Hochschule für Technik und Wissenschaft (University of Applied Sciences) Albstadt Sigmaringen em 1981, na Alemanha.

 

Entre 1980 e 2000 trabalhou com várias empresas de confecção como directora técnica e gerente.

 

É membro fundador da La Marmita.

 

Integra desde 2001 a equipa permanente do Pé de Vento sendo responsável pela coordenação técnica e administrativa e recursos humanos da Companhia e do Teatro da Vilarinha.

 

Com formação artística em dança, cedo começou a desenhar e a realizar figurinos para espectáculos de dança e, mais tarde de teatro.

 

Na Alemanha tem colaborado com: Theaterkeller, Waiblingen; Sandkorn-Theater, Karlsruhe; Theatergruppe Brücke, Stuttgart; Theaterkostümhaus Wagner, Stuttgart.

 

Reside em Portugal desde 1987 tendo criado o desenho de figurinos para várias companhias destacando entre outras: Teatro Pé de Vento, La Marmita, Núcleo Arquipel de Criação, Instituto Multimédia do Porto, Ginasiano Escola de Dança, Nortedança, Conservatório Superior de Musica de Vila Nova de Gaia.

 

 

© Rui Santos